O ano já começou e na medida em que ele avança você ainda tem uma chance de enfrentar os novos desafios e oportunidades da vida. Novas aspirações. Novas esperanças. Novas resoluções. Novos alvos. Novos sonhos. Perder alguns quilos? Correr uma maratona, ou, começar a correr? Ler mais sua Bíblia? Buscar um novo emprego? Comprar uma nova casa antes que os juros aumentem? Gastar mais tempo com seus filhos?

 

Considere estas 10 questões à medida que o Ano Novo avança:

 

1- Como você pode melhorar seu relacionamento com Cristo?

Talvez você esteja lutando em sua fé, ou esteja passando por um momento de sequidão espiritual, ou mesmo tenha se tornado um cristão a pouco tempo. Independentemente de qual seja a sua situação, a questão mais importante com a qual você terá de lidar é – crescer em seu relacionamento com Cristo. O que seria necessário para conhecer mais a Cristo? Para amá-Lo mais? Para ter mais intimidade em seu relacionamento com Ele? Para depender mais Dele? Para crer mais Nele? Considere as áreas de maior fraqueza em sua vida espiritual. Você luta para ler a Bíblia, ou orar, ou jejuar, ou ir para a Igreja, ou servir, ou amar, ou crer ou perdoar? Pegue seu ponto mais fraco e foque algum tempo e energia nele no ano que se inicia. Quais obstáculos estão no caminho? Quais dúvidas te impedem de avançar? Existe alguém que possa caminhar junto com você na luta por sua fé? Você pode fazer uso dos meios que Deus providenciou: Sua Palavra, pessoas e oração?

 

2- Como seu amor pela Palavra de Deus pode ser ampliado?

Se você nunca leu a Palavra de Deus, o que seria necessário para fazer disto uma parte do seu dia-a-dia? Você precisa ajustar seu cronograma? Por exemplo, você precisa tirar algo de sua rotina matinal para que tenha mais tempo para ler? Ou você precisa se comprometer a levantar cedo? Será que você precisa fazer um plano realista de leitura? Realista é a palavra-chave! Se for um plano irreal, você falhará rapidamente, você vai desanimar e não fará mais a leitura. Talvez você leia a Palavra de Deus, mas precise crescer na profundidade de seu entendimento bíblico. Se você lê muito a Palavra, mas não retêm tanto, quem sabe não deva ir devagar e meditar mais? Ou talvez você precise crescer em seu conhecimento da narrativa bíblica, então, que tal comprometer-se a ler a Bíblia toda? Para crescer em mais amor pelo Deus que escreveu a Palavra, você terá que encontrar Ele na Palavra. Você estará fazendo mais do que simplesmente ler um livro. No estudo da Bíblia, você estará em busca de um relacionamento com o Rei do Universo.

 

3- O quanto você ora?

Falar com Deus importa. Nós precisamos orar. É fundamental para o que significa ser humano conversar com Aquele que nos criou. Então se você ora, ore mais. Ore sem cessar. Ore sobre tudo. Se você luta para orar, gaste mais tempo este ano para se relacionar com Deus. Você precisa criar um plano de oração, a fim de manter sua mente sem devaneios. Se você sente como se estivesse orando pelas mesmas coisas antigas o tempo todo, o que acha de orar através das Escrituras? Aprenda a orar pelas coisas que interessam a Deus. Quem sabe você possa crescer na oração ao começar a orar com alguém? Você precisa perseverar na oração por alguém ou algo: uma criança perdida, um espinho na carne que não passa, um sonho ou esperança futura? Você ora a Deus como se Ele fosse um relutante doador de presentes? Não seja hesitante quando a pedir algo a Deus. Seja ousado, mesmo quando se aproximar do trono. Quando pedir algo, faça isto sabendo que está falando com Aquele que dita as regras do universo inteiro.

 

4- Você precisa de uma nova resolução para lutar contra seus pecados habituais?

Se existe um pecado contra o qual você tem lutado já a algum tempo, o que é necessário para finalmente matá-lo? Se você continua a lutar e não sabe o que fazer, por que não encontrar um cristão mais velho e sábio, o qual possa te ajudar a seguir o caminho da sabedoria? Não lute sozinho. Não espere mais. Você tem ficado confortável com seus pecados? Jesus disse: “Corte sua mão ou tire fora seu olho” (ACF). Não literalmente, mas Ele deseja que você tome medidas mais drásticas para lutar contra o pecado. Como seria isto? Quais coisas você precisa mudar para estar mais vigilante para o combate? Talvez você precise de um novo plano para lutar contra o seu pecado. Você está disposto a confessar seus pecados rapidamente? Suas orações não são impedidas? O que você recebe do seu pecado? Mais orgulho, mais respeito, mais prazer, mais sucesso, mais de seus desejos egoístas atendidos? Quais obstáculos estão no caminho? Mofo cresce na escuridão, não na luz. Se você está desaminado, desamparado, desapontado ou desesperado acerca de seus pecados, lembre-se sempre: Existe mais misericórdia em Cristo do que pecado em você.

 

5- Como está sua luta contra seus pecados intocáveis?

Talvez você não lute com pecados habituais e escandalosos.  Mas somos todos pecadores, sendo assim, os pecados “intocáveis”, como: orgulho, impaciência, ansiedade e preocupação, ingratidão, descontentamento, julgar o próximo, inveja, cobiça, ciúmes, todos nós enfrentamos diariamente. Escolha o pecado com o qual você mais luta. Reserve um pouco de tempo para pensar em como você poderá enfrentá-lo este ano. Você sabe realmente o que significaria matar este pecado? Procure as Escrituras, pergunte a um amigo sábio, e ore sobre isso. É difícil lutar contra estes pecados intocáveis. Nós queremos lutar contra eles, mas estamos confortáveis com eles, e por isso, não mais lutamos agressivamente, ou nem sempre sabemos o que fazer. A batalha começa por dar as costas ao seu pecado. E a medida em que você se afasta do pecado deve voltar-se para Cristo em fé. Fé é o vento em suas velas, o que te manterá seguindo em frente. Você precisa de ambos: arrependimento e fé. Onde um vai, o outro vai junto.

 

6- Existe algum relacionamento que precisa ser ajustado?

Será que em seu orgulho existe algum relacionamento com o qual você não lidou? Alguém tem algum ressentimento contra você? Ou você tem queixa contra alguma pessoa? Você não está disposto a perdoar? Você está evitando ter uma conversa difícil? Você está lutando com relacionamentos casuais prestes a terminar? Neste ano que se inicia, talvez seu alvo deveria ser buscar maior profundidade em seus relacionamentos. O que seria necessário fazer para criar vínculos mais fortes e duradouros com outros? Você está fechado? Você pode ser mais aberto e vulnerável? Você pode abrir sua vida para alguém? Está disposto a gastar o tempo e a energia que isto requer?  Talvez ler a Bíblia com alguém? Talvez orar mais pelos seus amigos?

 

7- Existe algum risco pelo Evangelho que você precisa assumir?

Existe um risco que pela causa de Cristo você pode assumir? Existe um passo ousado que você precisa dar? Será que existe alguém em sua vida que precisa ouvir o evangelho? Não deixe o temor de homens atrapalhar este alguém de ouvir a verdade.  Existe algo que você possa fazer se você se aprofundar mais em sua fé? Com seus próprios olhos, isso pode ser impossível, mas aos olhos de Deus é possível.

 

8- O quanto a Igreja importa para você?

Que tal ir à Igreja consistentemente? Para alguns, este é um importante ponto de partida. A palavra igreja significa “reunião” ou “assembleia”. Você começa a valorizar mais a Igreja se você simplesmente começar ir à igreja. Você precisa estar na igreja para que a congregação possa te conhecer e você conhecê-la . Você precisa ir para poder ouvir a Palavra de Deus consistentemente. Você precisa aparecer para poder estar mais envolvido. Mas para alguns de vocês, estou chovendo no molhado. Pois sempre que a igreja está com as portas abertas você está lá. Você vai frequentemente, no seu caso, talvez faça muito, por isso, provavelmente precise desacelerar. Faça menos atividades e conheça mais pessoas. Construa relacionamentos fortes. Encontre alguém que possa te ensinar a amar mais a Jesus e gaste mais tempo com essa pessoa. Ou talvez você precise achar um meio de encorajar seu Pastor, conselho ou equipe de liderança? Expresse gratidão a eles. Envie um e-mail, ou escreva uma nota. Ache meios de construir mais unidade na Igreja. Ou talvez você seja frequente, mas não faça muito. Você é meramente um participante e um consumidor. Você recebe, recebe, recebe e recebe, mas não retribui. O que você poderia fazer para se envolver mais? Para servir mais? Ou desenvolver laços mais profundos? Talvez você more longe da Igreja, isso dificulta estar mais envolvido? Se sim, você pode achar uma Igreja em sua própria região? Você já pensou o que é uma igreja saudável? Você valoriza o que Deus valoriza? Você seria capaz de encontrar uma Igreja saudável? Afinal, se sua igreja não é saudável, isso afetará diretamente  no modo como você crescerá neste ano.

 

9- Como você lida com o sofrimento e a fraqueza?

E se você passar por uma temporada de dificuldades, provações, dor, frustrações, desapontamentos, perseguição ou problemas de saúde? Você está pronto? Como será isso? O sofrimento afasta nossa disposição de estarmos alegres e testa o que realmente cremos. Quando você sofre, muitas vezes descobre em quem ou no que você confia. Se o sofrimento viesse, você estaria preparado? Você pode lidar com o fato de ser fraco? Você pode se juntar ao Apostolo Paulo em se gloriar em suas fraquezas?  Parece estranho, não? Quem se gloria nas fraquezas? Neste mundo, as pessoas mostram o seu melhor e escondem suas fraquezas. Temos vergonha de mostrar nossas fraquezas. Porém nossas fraquezas são a plataforma que Deus usa para mostrar Seu poder. Você acredita que a graça Deus é suficiente para você? Você acredita que o poder de Deus se aperfeiçoa em nossas fraquezas?

 

10- Que surpresas Deus tem guardado para você?

Todos os anos trazem novos desafios, novas esperanças, novos desapontamentos e novos sonhos. O que este ano tem reservado para você? Se a mão providencial de Deus te entregar algo inesperado, como você aceitaria isto? Você crê suficientemente no Senhor para aceitar de braços abertos qualquer coisa que Ele te ofereça?

Criado em Nova Jersey, Deepak Reju serve como Pastor associado na Capitol Hill Baptist Church em Washington, DC.
Formado pela George Washington University, também possui mestrado e doutorado pelo Southern Baptist Theological Seminary.
Deepak é autor de diversos livros e artigos, como “O Pastor e o Aconselhamento” (Editora Fiel), Great Kings of the Bible: How Jesus is Greater than Saul, David and Salomon” (Christian Focus) e outros. Ele serve como Presidente do quadro de diretores da BCC – Biblical Counseling Coalition.